ATENÇÃO! Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Aceitar

Bebidas vegetais

Cada vez são mais as pessoas que consomem bebidas vegetais em detrimento do leite animal.
Na maioria dos casos, esta substituição, deve-se a situações de intolerância à lactose
(dissacárido do leite), desconforto gástrico aquando do seu consumo, alergia à proteína do leite
de vaca ou por não achar interessante o seu consumo.
Entre elas, as mais comuns, são as de soja, aveia, amêndoa, arroz e côco.

Mas o que é uma bebida vegetal?
Uma bebida vegetal é um produto líquido obtido através de um ou mais ingredientes de origem
vegetal e água. Ou seja, uma bebida vegetal de aveia, deve ser o resultado de aveia e água. É
por isso intuitivo que o ingrediente principal, aquele que está presente em maior quantidade e
aparece em primeiro lugar na lista de ingredientes, deva ser a água.
Muitas vezes é utilizado o arroz como forma de ajudar à criação de polpa da bebida vegetal. Ou
seja, é normal encontrar uma bebida vegetal que diga ser de amêndoa e encontrar arroz na sua
constituição, como segundo ingrediente, seguido da amêndoa.
A maioria das bebidas apresenta algum tipo de óleo, normalmente o de girassol. A sua função
passa por tornar a bebida mais homogénea. Se não tiver uma gordura, irá ter alguma goma como
estabilizador.

Como escolher uma bebida vegetal?
Quando estamos a escolher uma bebida vegetal no supermercado, devemos olhar em primeiro
lugar para o rótulo.
Apesar de verificarmos que são menos calóricas e que têm menos gordura, a sua principal
desvantagem passa por muitas delas apresentarem açúcar adicionado. O pior é que
normalmente o açúcar aparece como segundo ingrediente (ou seja, é o segundo constituinte
em maior quantidade). E isto não é de todo desejável.
Outro tipo de ingredientes que devemos evitar serão os emulsionantes e espessantes, que
surgem na lista de ingredientes com E seguido de um número. Uma bebida com vários
emulsionantes e/ou espessantes, é mais encorpada e espessa, por falta de polpa vinda do cereal
de que é feita. Ou seja, uma bebida vegetal, com quantidade suficiente de cereal ou leguminosa
tem consistência suficiente, e não ficará aguada, prescindindo de todos estes Es.
Também é de evitar os estabilizadores identificados com Es e os edulcorantes.
Se possível, deverá ter alguma suplementação de vitaminas ou minerais. Apesar de o organismo
ter muito mais facilidade em absorver estes nutrientes através de alimentos que os contenham
naturalmente, comparativamente a alimentos enriquecidos artificialmente.
Algumas bebidas apresentam sal na sua constituição e este ingrediente ocupará o último lugar
na lista de ingredientes. Com alguma procura conseguirá encontrar bebidas sem sal.

A ressalvar...
Estas bebidas, embora ricas em termos nutricionais, não são equivalentes ao leite de origem
animal. Apresentam muito menor teor em proteína, sendo que no leite de vaca, as proteínas
são completas, ou seja, possuem todos os aminoácidos essenciais.
Para além disso, também não apresentam cálcio na sua constituição.
Quem optar por retirar os lacticínios da sua dieta deve ingerir outras fontes para compensar a
ausência de alguns aminoácidos e cálcio.

Nutricionista Mariana Freitas – cédula profissional 2097N


partilhe este artigo com os amigos

Destaques

cartão freguês - biscoitos e bolachas

Para os aderentes do Cartão Freguês da Mercea...

Ler Artigo
Receitas

broa de castanhas e milho

Não há melhor maneira de começar um domingo,...

Ler Artigo

Saiba mais

sobre a sua encomenda

282 476 686 ou 967 320 206
Livro de Reclamações
© mercearia bio 2021, todos os direitos reservados